Café especial X Café Tradicional


Recebemos diariamente inúmeras perguntas sobre café: os tipos, os grãos, cuidados, preparo, etc. A mais comum é sobre os cafés especiais e tradicionais, quais as diferenças entre o que compramos no mercado, daqueles que são exportados. Alguns juram que café é tudo igual, mas a verdade é que CAFÉ NÃO É TUDO IGUAL. E para aqueles que se dedicam a produzir e provar os melhores cafés, pensar assim, chega até ser uma ofensa. Mas estamos aqui para esclarecer as principais diferenças.

O café tradicional é um café com impurezas. Ele é composto de grãos com defeitos (pretos e verdes). Sua torra é mais forte para ficar mais escuro e disfarçar os defeitos. Geralmente tem um gosto de queimado e provoca um amargor na boca, sendo impossível bebê-lo sem açúcar.

O café especial é um café livre de impurezas. É cuidadosamente cultivado, a colheita é feita de maneira seletiva, onde são separados os grãos maduros, dos grãos verdes e passados. Tudo neste café é mais criterioso e artesanal.

Veja:

Para ficar mais claro, digamos que definir o ‘blend’ para o café especial é praticamente uma arte, tal como avaliar e degustar vinhos.

Destaque
Posts recentes
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon

FALE CONOSCO

(35) 3415-0100

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

TRABALHE CONOSCO

Faça parte da nossa equipe.

Copyright 2019 ©Cheirin Bão